1. DIAGNÓSTICO

A fase de diagnóstico inclui 3 etapas: “Triagem Inicial”, “Recolha/Análise de informação em gabinete” e “Recolha de informação na exploração”. De facto, estas 3 etapas correspondem à identificação das Áreas Temáticas (AT) a tratar no serviço em causa, e à recolha de informação para caracterizar a exploração na óptica das AT.

  • 1. Triagem Inicial

A Triagem Inicial, realizada pela CAP/ Organização de Agricultores (OA), visa identificar as AT que o Serviço vai abordar e limita-se, portanto, ao levantamento desta informação junto do agricultor.

  • 2. Recolha/Análise de informação em gabinete

A CAP recolhe junto do IFAP a informação relevante para o aconselhamento a prestar e que está na posse deste Instituto. Disso são exemplo a informação que consta da “Caracterização da Exploração Agrícola (IE)" e os ortos e vectores associados às parcelas exploradas desse IE.

É emitido documento que identifica as AT a que o agricultor recorre e as principais características da exploração, que complementadas com o IE asseguram a descrição da exploração.

  • 3. Recolha de informação na exploração

Esta etapa, que tem lugar na exploração do agricultor, em data previamente acordada, consiste na recolha, pela OA, da informação relevante em falta, mediante a realização do Inquérito de Campo (IC).

Uma vez terminada esta etapa, está reunida a informação necessária à produção do aconselhamento em causa, função das características da exploração.

​​

​​R. D. João de Castro, 12 Loja

2950-206 Palmela

Portugal

 

09:00H - 12:30H

14:00H - 17:30H

 

(+351) 212 353 547

  • Instagram
  • Facebook
  • Linkedin

© 2013 by AVIPE